Bem-vindo à página de artigos Aqui você encontra artigos publicados por técnicos do IBGE e todas as apresentações institucionais em formato PDF.

Análises e Resultados do Centro de Processamento SIRGAS – IBGE

DA SILVA, A. L. e COSTA, S. M. A. Análises e Resultados do Centro de Processamento SIRGAS – IBGE. II Simpósio Brasileiro de Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação, Recife, PE, 2008.

RESUMO

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE tornou-se desde 2006 um dos Centros de Processamento Experimental da rede SIRGAS-CON. A Rede SIRGAS-CON é uma rede de operação contínua de receptores GNSS do SIRGAS (Sistema de Referência Geocêntrico para as Américas), ou seja é a atual densificação do ITRF na América do Sul, Central e Caribe. A criação de 5 Centros Experimentais de Processamento da Rede SIRGAS-CON foi com o objetivo de colaborar no futuro com o IGS Regional Network Associate Analysis Center (RNAAC) SIR (South America), centro de análise oficial do International GNSS Service (IGS) para a densificação na América do Sul, Central e Caribe. Esse artigo apresenta o status atual e os esforços realizados pelo IBGE, como um Centro de Processamento Experimental para o SIRGAS. Quando as atividades de centro de processamento foram iniciadas, em 2005, 30 estações eram processadas. A perspectiva é que para o final de 2008 sejam processadas aproximadamente 90 estações, incluindo as novas estações da RBMC (Rede Brasileira de Monitoramento Contínuo do Sistema GPS). Neste artigo também é apresentada a estratégia de processamento usando o software Bernese, assim como as informações relevantes para o desenvolvimento das atividades. Os Resultados são avaliados e comparados com as soluções fornecidas por outras instituições (DGFI, IGG-CIMA e IGS) e possíveis discrepâncias são analisadas. Algumas informações referentes à manutenção da RBMC são mostradas nas séries temporais das coordenadas das suas estações, como por exemplo, a descontinuidade devido à mudança das antenas.

download


© 2019 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística