Bem-vindo à página de artigos Aqui você encontra artigos publicados por técnicos do IBGE e todas as apresentações institucionais em formato PDF.

1999

Integração da Rede Geodésica Brasileira no SIRGAS

COSTA, S. M. A. Integração da Rede Geodésica Brasileira no SIRGAS. XIX Congresso Brasileiro de Cartografia, Recife, PE, 1999.

RESUMO

Antes do advento do posicionamento à satélites, os sistemas geodésicos eram baseados em modelos matemáticos que possuíam melhor adaptação em uma área específica da superfície terrestre, onde eram feitos os levantamentos geodésicos com propósitos de mapeamento. Nesta época a precisão métrica era considerada satisfatória. Com a adoção das técnicas espaciais de posicionamento por toda comunidade científica, os sistemas geodésicos assumiram um caráter global. Considerando a precisão centimétrica obtida por estes sistemas, o fator tempo tornou-se o principal elemento na sua manutenção. Como conseqüência das novas tecnologias, a mudança de um sistema local para um sistema geocêntrico produz grandes benefícios, principalmente quanto a compatibilidade das informações a nível internacional. Envolvido no Projeto Sistema Geocêntrico de Referência para a América do Sul – SIRGAS, o qual tem como propósito o estabelecimento de um sistema geodésico para toda a América do Sul, o Brasil dará o primeiro passo para a concretização desta mudança.

A integração da Rede Geodésica Brasileira no SIRGAS será desenvolvida através de um ajustamento simultâneo da rede, usando o software Geodetic Adjustment using Helmert Blocking of Space and Terrestrial data (GHOST). No ajustamento, será adotado o elipsóide GRS-80 e toda a rede Brasileira será injuncionada nas 11 estações SIRGAS em território nacional. Os Dados espaciais e terrestres serão combinados para gerar coordenadas de aproximadamente 5000 estações. Serão apresentados alguns estudos comparativos entre as quantidades obtidas nos modelos do geopotêncial, informações estas utilizadas como correções às observações da rede clássica, bem como os resultados preliminares do ajustamento e um estudo para estimativa de parâmetros de transformação entre SAD69 e SIRGAS.

download


© 2019 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística